sábado, 4 de dezembro de 2010

Agradeço, mas não mereço

Obrigado, agradeço, mas não mereço.

Nessa semana disse aqui no blog que a OAB deveria suspender a licença dos advogados quer visitavam os traficantes cariocas nas prisões federais para que a justiça pudesse levá-los as barras da lei para em seguida colocá-los atrás das grades onde segundo se sabe se tornando advogados sem diploma é o mesmo que homens sem pinto, não servem, para nada.

Muito bem, a OAB de forma moralmente acertada suspendeu a licença dos doutores bandidos propiciando a justiça a oportunidade de fazer sua parte, como espera toda a sociedade.
Só faltava a justiça afinar e os caras saírem leves, livres e soltos para continuar servindo de pombos correio aos traficantes.
Como diria o grego, tudo pode, menos me vangloriar pela ação que citei a qual foi efetivada pela OAB. Agradeço mas não mereço, quem merece é a própria OAB.



Não tem jeito, este filho da outra nem parece que é brasileiro, o cara quer tudo para ele e para o seu estado, e que se exploda o resto do País.
Porra, o Brasil não é somente o Rio de Janeiro, um dos maiores sangue sugas da América Latina que sobrevive graças as mordomias dadas pelo governo federal em retribuição ao carnaval e outros parangolés cultuados por serem anti arte por excelência que só servem para desviar dinheiro da nação para a bandidagem  e demais gigolôs de toda uma nação.
Chega, o Rio de Janeiro não é, nunca foi e jamais será a ultima cereja do bolo, o petróleo que lá existe é de propriedade da nação e não dos cariocas e fluminenses como estão querendo fazer acreditar.
Adoro o Rio de Janeiro, mas tudo tem um limite, até mesmo a idiotice de um governador incompetente e demagogo que agora vai se gabar de ter levado a segurança aos morros sem ter levantado um único dedo, roubando a gloria das forças policiais que por sua conta e risco fizeram o que o idiota nunca ordenou ou sequer pensou que seria possível. 


Deficientes ainda sofrem com emprego e acessibilidade

Vejam o caso do ex governador paranaense Roberto Requião. Quis porque quis se tornar o Dilmo do Brasil, mas o seu partido, O PMDB,          Partido dos Malacabados Debiloides do Brasil optaram por lhe dar um Repelex, classificando-o como peido na rodinha.

Saiu do governo para se candidatar ao Senado conseguindo a vaga graças a ajuda dos eleitores da terra do leite quente que faz mau para a cabeça da gente, deixando em seu lugar o Pessutão, seu vice, a quem vinha  tratando como boi de canga, aos gritos, chutes e ofensas, hoje desconfiamos terem sido merecedoras, pois nem bem assentou a bunda no trono governamental do estado, pediu licença para dar uma voltinha até o México para participar da 16ª Conferência da Organização das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP16), na cidade de Cancún deixando em seu lugar o atual presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Nerso da Capitinga Justos, envolvido até a raiz dos cabelos do brioco no que se convencionou chamar de escândalos dos diários secretos onde foram desviados trocentos milhões de reais da assembléia por uma verdadeira quadrilha que era comandada pela exilindrado Abib Miguel, conhecido pelo vulgo de Bibinho, ex segundo capo desde o tempo que o padrinho e capo supremo Aníbal Curi andava por estas plagas em carne, gordura e ossos, mais gordura que ossos. 

Resta saber se agora com o governo em suas mãos quais vão ser as atitudes a serem adotadas pela raposa que o Pessutão como é conhecido o governador deixou para tomar conta do galinheiro chamado Paraná.

Bibinho o xerife dos Curi no Paraná


Massagem erótica
Alguém tem peito para encarar???


video

Outra colaboração do Toninho Bizinelli

Nenhum comentário: